VIAGENS

CASAMENTO

COISAS DE CASA

    VIAGEM

    FLIP 2019 | MEUS MOMENTOS

    FLIP é a Festa Literária Internacional de Paraty que acontece desde 2003, e essa não só foi a minha primeira vez na festa, como também a primeira vez que viajei sozinha, o que tornou a experiência ainda mais especial. Dias que me proporcionaram uma imersão a minha própria companhia e uma das coisas que mais amo, a literatura. Estar sozinha na hamburgueria lendo um livro, ficar na praça à noite tomando cerveja, andar muito e principalmente me perder ~vocês também são péssimos com mapa?~, pelas ruas charmosinhas do Centro Histórico, foi bem interessante.

    Inclusive neste ano, Paraty foi reconhecida pela Unesco como patrimônio da humanidade, sendo que desde 1958, era somente o Centro Histórico. É o primeiro local cultural e natural (e não só sítio arqueológico) tornar-se patrimônio na América do Sul.

    Paraty é cheia de cores e contrastes. Dizem que fica ainda mais bonita durante a Flip, se fica mais bonita eu não sei, mas bem lotada, sei que fica. Pessoas ocupando as ruas respirando livro, falando sobre livro, indicando livro e lendo muito. Uma vibe que curti muito!

    Logo quando cheguei, deixei minhas coisas no hostel e saí para andar sem roteiro e entrei em uma casa onde ia começar a palestra com o título ‘’De onde nascem as histórias’’ e mesmo sem conhecer as autoras, resolvi ficar para ouvir e me emocionei várias vezes. Elas contavam um pouco sobre suas trajetórias, inseguranças e desafios de ser mulher e escrever. Foi uma palestra linda! A partir daquele momento, a sensação de que o universo se encaminhou de me colocar ali naquele lugar (obrigada amor, pelo apoio e presente de sempre <3) não saia da minha cabeça, e fiquei ainda mais animada para curtir os outros dias. 

    Débora Baldin Jones Manoel na Flipei, Eliana Cardoso, Conceição Evaristo, José Andarilho e Claudinei Silva. <3

     ”Na ficção, a ideia nasce mais desordenada, por isso é importante ter um arco narrativo. Também é necessário estar aberto às críticas dos leitores e dos editores e ler, ler muito.  Aceitar o que o editor diz e fazer os cortes e adaptações necessários são impressindíveis para tornar o livro melhor. Indicação de leitura: O tempo envelhece depressa, de Antonio Tabucchi.

    (anotações sobre a fala da escritora Eliana Cardoso, Algumas Observações)

    Durante a Flip, acontecem muitas coisas ao mesmo tempo. Palestras bacanas no mesmo horário, escritores e artistas que você gosta andando pelas ruas e atrações interessantes de quem você não conhece, entra por acaso e acaba curtindo muito. Essa é a graça, voltar para casa cheia de bagagem cultural e muita troca. Porque a Flip não é só literatura, mas também tem diversas vertentes da arte.

    Também tem muita amizade, já que foi o lugar de encontrar gente querida e dividir muitas mesas, café, risadas e algumas reclamações sobre os tropeços do calçamento que deixavam nossas pernas doendo muito. Amigas que o blog e a internet me apresentaram e tive oportunidade de conhecer pessoalmente, amigas que eu já conhecia pessoalmente, e uma querida da Paraíba, que me trouxe o conforto bom de um abraço e muita conversa como se eu a conhecesse há anos. 

    Ouvir, escrever, ler e observar, me move tanto, e por mais que ás vezes me fique esquecido, agora a cabecinha volta cheia de ideias e inspirações para continuar fazendo das coisas que mais gosto: a troca. Poder compartilhar com as pessoas as coisas que gosto e penso e quem sabe, acrescentar, assim como muitos me acrescentam! Histórias mudam nossas vidas.

  • LIVROS

    O que a leitura significa para você?

    Lá no início, foi abertura e descoberta de novos mundos.  Eu sempre estudei em escola pública, não me interessava muito em estudar, vivia no meu mundinho. Ler foi transformador. Terminei Clarice Lispector…

  • 7 ON 7

    7 on 7 | quem sou eu

    A partir de hoje, todo mês vamos postar 7 on 7 com um tema em conjunto, e o primeiro surgiu a ideia de falarmos um pouquinho sobre nós e o que…

  • FELICIDADE COTIDIANA

    AMOR PARA OS DIAS ESTRANHOS

    Quinta-feira tornou-se o meu dia oficial de postar no blog, mas eu travei. Nunca foi tão difícil levantar da cama e pensar em coisas boas e em dias melhores, nunca foi tão…

  • LIVROS

    AUTORAS BRASILEIRAS PARA LER

    Quando estava passando por uma longa e chata ressaca literária no início do ano, uma amiga me indicou livros  de autoras brasileiras que foram uma redescoberta literária muito importante para mim.…

  • COISAS DE CASA

    O CANTINHO DO CAFÉ

    Todo mundo deve ter um lugarzinho que mais ama em casa, e eu amo o nosso cantinho do café. Amo como ele foi criando vida antes mesmo da gente se mudar…

  • FELICIDADE COTIDIANA

    O TAL DO EQUILÍBRIO

    Estive ensaiando tirar do rascunho os cinco posts que tenho e nessa brincadeira já se passaram três meses. É bem clichê falar que o tempo está voando e que se não…

  • COISAS DE CASA

    REFORMANDO ARMÁRIOS DE FÓRMICA

    Sabemos muito bem quão complicado é montar uma casa do zero, principalmente em questão financeira, tudo é tão caro que você precisa ter calma e consciência das suas prioridades. As vezes…